Reflexão…

euz

Mulher…. Trabalhadora …..Esposa…..Dona de casa e mãe

Talvez por que esta perto do final de ano e um dos meus objetivos tenha ficado um pouco atrasado.

E agora tenho que decidir prioridades ou então vou atropelar tudo, por isso tenho ficado em silencio nesta semana.

Tenho feito o possível para me manter focada no trabalho e deixar as coisas correrem, mas quando é dentro de casa fica um pouco mais complicado.

Tenho lidado com problemas de depressão na família e desemprego, o caso de saúde tem sido resolvido com tratamento, não é simples, o processo é muito lento e o problema de desemprego aqui é também complicado, pois sem duvidas teremos que adiar algumas coisas e correr atrás por outros meios.

Quando cheguei aqui tudo era mais fácil tínhamos empregos e ganhávamos muito bem e com a crise muitas fabricas fecharam e agora fica mais difícil encontrar um bom emprego.

E quando se tem um problema de saúde, as coisas ficam muito pior, ainda mais quando se exige que se fale fluentemente a língua e competir com os próprios japoneses uma vaga de emprego.

Por isso o meu trabalho aqui tem sido importante, pois tenho aprendido e ensinado que não devemos depender simplesmente do emprego em fabricas, e sim criar outros meios de ter renda, e no meu caso neste momento, mais um membro de minha família esta sem emprego e tenho que lidar com isso de maneira que não afete o tratamento da minha filha, pois todos da família temos que estar comprometidos para dar certo e ter bons resultados, lembra sempre o medico que a trata.

E como dona de casa e mãe, fico dividida entre meu trabalho do lar e meu trabalho com as pessoas que contam comigo, talvez por isso, tenha me sentido assim esta semana.

Eu sei que nem sempre se agrada a todos e também nem todos podem compreender como conseguimos lidar com tantas coisas ao mesmo tempo, mas é assim, nem tudo tem uma formula secreta.

Então deixo aqui não uma desculpa por minha ausência em algum momento, mas dizer que sou igual a todo mundo e se eu posso todos podem e se todos podem, também posso às vezes me sentir assim.

Com certeza tenho consciência de que sou um ser humano capaz de coisas incríveis e que, além disso, sou mulher, dona de casa, mãe, e quando se trata de família e filhos fica difícil pensar em algo mais importante.

Meu aniversário…

Emilia

Mais um ano de vida… 53 anos.

Hoje mais um dia, um dia diferente, é meu aniversário.

Mais um ano e olhando para frente tenho ainda muitos sonhos

a ser realizados. Quisera hoje poder encontrar todos os amigos que por

minha vida passaram e juntos cantarmos Parabéns…·. Mas a vida é assim…

Uns vão outros vem. O tempo vai passando e mais um ano que se

despede. Foi um ano feliz com muitas surpresas.

Espero que nessa nova etapa da vida eu possa ser ainda mais feliz,

realizando meus sonhos e projetos Tudo passa e hoje queria um abraço muito especial daquela que em conjunto com Deus

fez este milagre acontecer, eu.

Mas a vida assim…  Contento-me com os abraços de quem me ama e me deixa feliz todos os dias aqui a viver.

Agradeço a Deus pela minha existência por ser mais um milagre da vida.  A vida é repleta de milagres .

E neste dia do meu aniversário. Sinto-me como um milagre diante de Deus. E agradeço por mais um ano

de oportunidade, agradeço aos meus familiares que me amam,  que estão sempre presentes E nunca me abandonam a

mercê da vida Aos meus amigos que estão em minha vida, reparto o meu coração em muito pedaços. Doando um

pedacinho para cada um. Se eu pudesse ter muitos braços, abraçaria a todos mesmo distantes. E me abraçaria

ternamente, agradecendo assim a minha existência. E neste momento peço que Deus fique ao meu lado, pois sem ele é

impossível viver na multidão da vida.  Hoje abraço todos meus amigos e principalmente meus filhos que é a riqueza que

conquistei meus pais e irmãos….Eu mando um recado do coração Senti falta do abraço de vocês hoje.

Divagando……

Sonhar e imaginar sempre um futuro melhor do que hoje…..talvez eu seja mesmo um pouco louca, e também me jogar nas coisas sempre imaginando um resultado positivo, mesmo quando ninguém acredita.

Ter fé na vida,mesmo quando vemos na TV reportagens sensacionalista de violência, insegurança e descrença de que as coisas possam melhorar.

Eu muitas vezes sou procurada por pessoas que me diz para tomar cuidado, e não me expor tanto e as vezes pessoas se aproximam para aproveitar.

Mas eu penso que até com elas eu aprendo um pouco, pois ninguém faz aqui e fica por isso mesmo, um dia ela vai ter uma resposta para suas atitudes e não precisa brigas, é desnecessário se desgastar com isso.

Então sigo meu caminho do meu jeito e se não faço mal a ninguém, não preciso ter medo.

Os grandes homens e grandes mulheres só conseguiram por que não tiveram medo de expor suas opiniões e fazer o que acreditaram ser o certo. Mesmo quando eram vistos como loucos. Eu não pretendo ter riquezas e sim deixar como legado uma vida de exemplos a ser seguidos.

Ajudando, ensinando e aprendendo com as pessoas, mesmo quando elas as vezes me machucam com palavras no dia seguinte eu tiro uma nova lição de tudo e sigo minha vida. Sei que estou aqui mais para aprender do que ensinar, mas quem sabe amanhã terei deixado algo de bom para a humanidade.

29 anos de casamento BODAS DE ERVAS

Domingo 14 de Abril, 29 anos atrás….

Realizava também o que é o sonho de toda mulher…..entrar na igreja, onde estão la todos familiares, amigos e a pessoa que estará com você em todas as horas, pois é essa a promessa que se faz a Deus na cerimônia de casamento.

Pois é…..estamos juntos a exatos 29 anos e apesar de tudo somos parceiros em todas as horas, e especialmente neste domingo, passamos o dia em família, foi muito bom e agradeço todas as horas tudo isso que vivemos.

Espero poder comemorar muitos anos ainda, e apesar de longe da minha terra natal, aqui recomeçamos em família a mais de 10 anos.

Obs: 29 anos de casamento BODAS DE ERVAS

emro

Hoje acordei com vontade escrever…., e aqui estou.

Nestes meses andei ocupada focada num objetivo, objetivo este que mudara minha vida, dei uma tropeçada. Mas como todos que me conhece sabe que eu nunca desisto, e só estou assoprando o ferimento e batendo a poeira para prosseguir.

Então respirando e avaliando meus últimos erros, traçando novas estratégias e próximo passo seguir em frente.

As coisas às vezes não acontecem como queremos e estamos tão ocupados em fazer tudo muito certinho e esquecemos-nos de algum detalhe importante. Só quando algo não da certo é que percebemos onde erramos.

Mas como cada tropeço e erros aprendemos, assim estou eu com novas ideias para seguir meus objetivos, agradeço a quem me ajudou até aqui, e peço paciência a quem depende de mim, para seguir e se querem aprender mais faça exatamente isso não desista.

Pois agora apesar de mais experiente, não quer dizer que não haverá obstáculos, e talvez os próximos ainda sejam mais difíceis do que esses, e assim uma próxima lição a ser aprendida. Portanto não me julgue se não for capaz de fazer melhor.

Pois apesar de admitir meus erros, sei perfeitamente do que sou capaz, e que não preciso de ninguém me apontando o dedo e me dizendo “não falei”.

Pois essas pessoas capazes de me julgar, certamente esta na sua zona de conforto, conformada com tudo sem perspectiva nenhuma de melhora na vida, ou esta rezando, achando que tudo vai cair do céu sem um único esforço.

E eu digo o que cai do céu é só chuva e se você não plantar, nada vai florescer ou dar frutos.

Por isso digo, nunca desista dos seus sonhos, nem que leve mais tempo tirando pedras do caminho, tropeçando, caindo e tendo que bater a poeira.

 Siga sempre em frente e nunca pense em parar, pois um dia chegará e quando este dia chegar terá seus sapatos gastos e muitas histórias para contar. Pessoas que mudaram a história nunca disse que foi fácil, mas sempre disseram que chegaram por que nunca desistiram.

Outra coisa que me ocorreu é que com mais experiência no final o resultado será melhor então vou fazer novamente e lição corrigindo os erros e limpando as arestas.

E mesmo que tenha que levar um pouco mais de tempo vou fazer valer a pena. E se muita gente isso é assinar seu próprio fracasso, no meu caso não, pois vou me preparar melhor para no momento certo poder apreciar melhor a minha vitória.

Já dizia Carlos Drummond de Andrade

A vida necessita de pausas.”

Premio para o Blog

No final da semana passada recebi uma surpresa! Um prêmio para o blog.

O Prêmio Dardos,e ele vem em forma de selinho, Lindo!!!

Historia do Premio

O premio Dardo criado pelo Escritor Alberto Zambadeque em 2008. E seu blog: Leyendas de El pequeno Dardo e indicado a quinze blogs selecionados por ele. Sendo que os Blogs selecionados também indicassem outros blogs ou sites considerados merecedores do premio, e a premiação se espalhou pela internet.

O Premio Dardo destina-se a reconhecer os valores demonstrados  por cada blogueiro diariamente durante seu empenho na transmissão de valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. Demonstrando criatividade por meio de seus pensamentos e palavras.

Recebi a indicação da Amiga Eloa Iwamoto, autora do Blog:  Brasileira Sim Senhor!!!! http://brasileirasimsenhor.blogspot.jp/, que muito admiro e que vale a pena conferir.

E como todo selinho, tem algumas regras que são:

-Indicar os blogs que preencham os requisitos acima para receber o prêmio;

-Exibir a imagem do selo;

-Linkar com o blog de que recebeu a indicação;

-Avisar os blogs escolhidos;

E os meus escolhidos são:

– Luiza Hidemi autora do blog: Historia de uma dekassegui

http://hidemi-blodekasegui.blogspot.jp/

-Thais Fioruci autora do blog Perdida no Japão

http://perdidanojapao.blogspot.jp/

-Silvia Kawanami autora do blog: Japão em foco

http://www.japaoemfoco.com/

-Sarah  Longatto autora do blog fale em japones

http://www.faleemjapones.com/

-Leah ou Helena autora do blog: vidas sem volta

http://vidasemvoltas.blogspot.jp/

-Clovis Akira autor do blog: Historia de um dekassegui

http://clovisakira.blogspot.jp/

-Eliana Gaspareto autora do blog :Um pouco de mim

http://www.elainegaspareto.com/

-Alexandre Mauj Imamura Gonzales autor do Blog: Lost Japan

http://lostinjapan.portalnippon.com/

Espero que todos meus amigos gostem!

Muitas vezes criamos sofrimento para nós mesmos

Tema baseado na frase de  Dalai Lama  “Grande parte do sofrimento é criado por nós mesmos.”

Eu vivi grande parte, ou a maior parte da minha vida no Brasil, e, muito de tudo que aprendi vem de lá, amo o Brasil, mas à dez anos tomei a decisão de sair e tentar aqui, onde encontrei um novo rumo para minha vida. Confesso que às vezes penso que demorei a me decidir mudar, eu sempre dizia eu nunca vou sair daqui para viver longe da minha família, pois aqui posso conseguir tudo que quero e desejo, mesmo sabendo por meio de intuição que alguma coisa estava errada, teimava em bater o pé, e dizia – não vou, eu mesmo tendo casada com descendente e com isso sempre vinha uma pessoa da família dizendo: – Por que vocês não vão para o Japão e eu mais uma vez batia na mesma tecla, não vou sair do meu país e trabalhar como escravo lá fora. – pois era assim que achava que ia ser aqui, e na verdade de certa maneira não estava tão enganada, pois muita gente vinha para trabalhar e juntar dinheiro e, portanto nem se alimentava bem e nem vivia, pois precisava economizar. E isso eu não queria para minha família ficar separados e trabalhar sem viver a vida.

Um dia… Meu marido tendo trabalhado vinte anos numa empresa, soube que seria despedido, pois a empresa abriu falência, e assim logo depois de alguns meses sem conseguir um novo emprego. Decidiu vir para o Japão e apesar de nem ter idéia do que ia ter que enfrentar aqui sem conhecer a língua e costumes, ainda foi enganado pela empreiteira que o contratou no brasil. E apesar de vir com cara e coragem talvez ele devesse ter se informado mais e se preparado mais, e com isso sofrido menos. Mas como o ser humano sempre teimoso, muitas vezes cria situações de sofrimentos por não saber confiar na intuição ou mesmo esperar, repensar… Mas enfim, fiquei lá com meus filhos e com uma tonelada de problemas e dividas… Enfim eu também por teimosia ou não acreditar na intuição ou naquela voz na cabeça dizendo:  – vai esta é a hora de mudar , mas não,  você mais uma vez deixa passar a vez. Não que isso signifique algo tão errado e que não se deva fazer as coisas sempre pensando positivamente que tudo vai dar certo, mas tem hora, que devemos parar um pouco, respirar e analisar a situação. E então eu disse vou tocar meu negócio e trabalhar muito e provar que estou certa, mas na verdade nem sempre, quando não depende só de você para tudo dar certo ou seja tinha um negócio em sociedade, que algum tempo depois descobri que não partilhávamos as mesmas opinião e que tinha sido enganada, e mais uma vez ter que dar o braço a torcer de que errei em confiar.

Sofri por não dar ouvidos a algumas pessoas que já me alertavam de que alguma coisa estava errada, e quando me dei conta já era um pouco tarde para consertar. Só então resolvi deixar tudo e tomar um novo rumo da minha vida e recomeçar aqui, deixei meus pais e meus filhos e vim encontrar aquele que  sempre me apoiou e me fez muita falta e só ai descobri o quanto também.

Começamos do zero trabalhamos por um ano e trouxemos nossos filhos, e daí até hoje somos uma família unida, é claro que com tivemos todos os problemas que uma família tem para se adaptar as novas situações, e que se não fosse isso e a grande vontade de acertar desta vez, e o exemplo que podemos deixar a eles (filhos). Talvez tivesse desistido e algum momentos, e acho que apesar de tudo é que digo que “Grande parte do sofrimento é criado por nós mesmos.”

Hoje tenho um objetivo: – viver o melhor que posso. Dar o meu melhor em tudo que me proponho a fazer e deixar para meus filhos e para o mundo alguma coisa a ser aprendida com minha experiência de vida. Aprendi que devemos gostar das pessoas pela que ela é não pelo que ela tem e se gostamos, gostamos e se não gostamos, não gostamos entende. Por exemplo, eu conheci uma pessoa que era, e é bem popular, gosta de falar e anima a todos e qualquer ambiente, mas todos me falavam de uma pessoa que não confiável, e sinceramente eu gosto e gostava não era desse defeito e sim de estar perto dela por que me fazia bem e a qualquer pessoa que se aproximasse.  Então se não é confiável é somente um alerta e deveria conhecê-la melhor antes de expor alguma coisa. Assim aprendi a valorizar as pessoas pelo que ela é e não pelo que outras pessoas dizem e também não tento influenciar as pessoas, pois cada um tem direito de pensar e agir pela própria cabeça. Detesto discutir sobre futebol, religião, e política, eu desde criança gosto de torcer por um time- São Paulo, sou católica, e gosto do Partido dos trabalhadores do Brasil, e aí?.Nem por isso vou dizer que alguém deve ter a mesma opinião que eu, pois ninguém é igual a ninguém e desde que não queiram impor a mim qualquer coisa podemos conversar sobre tudo respeitando a opinião de cada um sem ofender ninguém. Às vezes toca a campainha e vou atender e me deparo com uma ou duas senhora com a bíblia na mão, sei que todos já passaram e passam por isso sempre e muitas vezes fingem que não tem ninguém em casa ou dizem que estão muito ocupadas, eu atendo e paro um pouco antes de falar alguma coisa, ouço o que ela ou elas tem a dizer e eu digo que sim eu leio a bíblia e conheço, mas tenho minha opinião e coloco de um jeito que por incrível que pareça por duas vezes elas saíram daqui sem me entregar aqueles panfletos e agradecendo a atenção,dizendo que outro dia nos encontramos novamente. Você não precisa ser grosseira, somente coloque sua opinião e a pessoa não precisa acatar, mas terá que respeitar. Eu sou católica, e confessa que tenho muitas perguntas que não ousaria fazer a certas pessoas, pois nem todos pensam como eu, então ai entra o respeito pelo outro, ninguém é obrigado a fazer parte de grupos que separam as pessoas e dizem que este ou aquele é melhor ou pior, eu digo que o que separa as pessoas não é de Deus. Viver bem com todos é a melhor maneira de viver em paz com saúde física e espiritual. Assim não criamos problemas para nos mesmos.

Não pretendo ser exemplo de vida a ninguém e ninguém antes de refletir sobre o que é melhor para sua vida, deveria seguir meus exemplos, pois se cheguei até aqui foi porque tive que passar por muitas coisas inclusive coisas que não menciono aqui, e a vida é isso, todos nos temos que aprender algo a cada dia, sobre ser melhor hoje do que ontem, e sei que já tive momentos que me deprimi, e quase joguei a toalha. Mas tinha em mim algo que me dizia – sabe aquela voz que te puxa para cima e você não se engane, pois também tem aquela que te puxa para baixo. Mas então a questão é saber reconhecer qual delas deverá ouvir, e assim tive grandes pessoas que me ajudaram com exemplos, como meus pais, minha família, e talvez por isso dê tanto valor à família e nunca abri mão disso. E este é meu grande tesouro, Deus que é minha fortaleza, e minha família que é à base de tudo na minha vida. Sei que tudo isso parece um tanto poético quando se escreve, e depois de algum tempo parece até frase de pai, mãe ou até de avó e avô, mas aos 52 anos, que é o que tenho agora, acho que sou muito mais feliz hoje. E é quando reconheço em mim, palavras deles.

 Mais um texto que participei de um concurso literário e como não foi selecionado, posto aqui para apreciação.

Meu maior desafio.

Dia 8 de setembro, dia de refletir sobre minha historia de vida, caminhos percorrido, tropeços e recomeços.

Hoje é um dia especial, foi o dia em que nasceu minha filha, e também véspera de meu aniversário.

Apesar disso tenho algumas coisas que ainda me entristece, pois deveria ser um dia de festa, não um, mas dois dias, pois há 28 anos ela foi meu presente.

E hoje se quer posso abraça-la, pois ela não me deixa aproximar, esta triste apesar de estar tentando sobreviver a tudo isso, que esta passando.

Mas eu continuo lutando e sei que vamos vencer e quem sabe o próximo seja melhor, sei que não vou desistir, sigo na minha luta.

Nunca foi fácil minha vida, mas sei que se fosse não teria o mesmo valor. Todos os anos nesta data  é como se um filme passasse em minha mente de tudo que vivi e minhas experiências e sei a cada final do dia, tenho que agradecer, pois tantas mulheres passam também o que passo hoje e  estão ai lutando e isso me faz mais forte.

Espero que tenha tempo suficiente para aprender mais a cada dia e dar o melhor de mim para que não só realize meus sonhos, mas também ajudar com o pouco que aprendi.

Um mundinho triste e solitário de um ser humano

Apesar de procurar viver sempre me policiando para não deixar de acreditar nas boas coisas e sempre pensar positivamente, existe aqueles momentos em que em que você sente se de mãos atadas em certos assuntos.  Muitas vezes nada que você conheça ajuda, pois depende de cada um, querer sair do abismo em que se coloca diante dos problemas.

Queremos ajudar, mas não sabemos como e talvez nem conseguiríamos chegar ao problema em questão. E ainda mais quando é pessoa tão próxima e apesar de amar e achar que conhecemos, muitas vezes, sofre, mas não deixa chegar até elas.

Por medo, insegurança, uma doença silenciosa, que isola a pessoa em seu mundo, não aceitando a ajuda, e nenhuma interferência em seu pequeno mundo triste. Se apegando em algo que não tenha que dar nada em troca e não lhe faça pergunta ou cobrança.

E é muito triste ver pessoas que amamos nesta situação, mas infelizmente, não é fácil dizer apenas que tem que sair disso, tem que:… É isso exatamente que todos dizem e é justamente isso que pessoas assim não querem ouvir.

Por isso simplesmente se isolam do mundo e passam a viver num mundo a parte, onde se sente seguro e ninguém poderá oferecer perigo, pois só a ideia de ter que sair deste lugar de conforto causa pânico.

A ajuda profissional é preciso, mas a pessoa tem que querer se submeter a algum tipo de tratamento, e então se espera que o resultado apareça logo, e é muito difícil, pois o tratamento e longo e depende de todos da família. Mas ainda assim acredito que vamos achar um caminho que traga um bom resultado.

Um longo e produtivo dia….

Realmente hoje minha bateria estava super carregada, agora vejo quanta coisa consegui fazer e ainda estou aqui compartilhando.

Lavei, cuidei da casa, fiz um pão, um bolo, uma comidinha saudável, uma sobremesa e ainda sai para ir ao banco e fazer compras, se bem que para isso contei com a ajuda da minha amiga que me deu uma carona.

Mas hoje vejo que minhas disposições para fazer tudo e mais alguma coisa então estou feliz. Sinto-me saudável e melhorando a cada dia, então só quero aproveitar a vida e realizar coisas que á algum tempo eu não fazia: conhecer pessoas, viajar, conhecer lugares e matar a saudades de pessoas que a muito não vejo. Tudo bem que muitas vezes esses pensamentos, geralmente são de pessoas que estão prevendo algo ou estão com dias contados. rsrs

Mas não eu apenas estou feliz e desejo que todas as pessoas pudessem estar também muito feliz.